CPP se reúne para definir Semana Missionária

cpp1000A Equipe do CPP (Conselho Pastoral Paroquial) se reuniu nesse final de semana para resolver assuntos e relacionados com a realização da Semana Missionária que acontecerá em novembro próximo.

De acordo com a coordenadora da Pascom, Rosemary Cristina dos Santos, a reunião teve início às 08h e foi até  as 15h, com os membros do CPP, formados por coordenadores de todas as comunidades, movimentos e pastorais. Os assuntos discutidos foram referentes a preparação para a grande Semana Missionária que acontecerá de 06 a 13 de novembro. O encontro iniciou com a oração do Espírito Santo, e após Padre José Milton dos Reis conduziu a todos com belas orações e canções tocadas e cantadas pelo Ministro de música, Acácio Vieira. Passando para um segundo momento, houve a reflexão do evangelho de São Lucas 19, 2-10 “Havia aí um homem muito rico chamado Zaqueu, chefe dos recebedores de impostos. Ele procurava ver quem era Jesus, mas não o conseguia por causa da multidão, porque era de baixa estatura. Ele correu adiante, subiu a um sicômoro para o ver, quando ele passasse por ali. Chegando Jesus àquele lugar e levantando os olhos, viu-o e disse-lhe: Zaqueu, desce depressa, porque é preciso que eu fique hoje em tua casa.. Ele desceu a toda a pressa e recebeu-o alegremente. Vendo isto, todos murmuravam e diziam: Ele vai hospedar-se em casa de um pecador. Zaqueu, entretanto, de pé diante do Senhor, disse-lhe: Senhor, vou dar a metade dos meus bens aos pobres e, se tiver defraudado alguém, restituirei o quádruplo. Disse-lhe Jesus: Hoje entrou a salvação nesta casa, porquanto também este é filho de Abraão. Pois o Filho do Homem veio procurar e salvar o que estava perdido”.

Segundo a coordenadora, o livro das Santas Missões Populares do Padre Mosconi, a semana missionária será para receber Jesus com Alegria em nossa casa. O objetivo da Semana Missionária é que a salvação entre em cada casa, em cada lar, em cada comunidade, em cada paróquia.
“Que Jesus entre em toda nossa Paróquia, e que ela seja a casa de Zaqueu", comenta Santos.

De acordo ainda com ela, foi dado um espaço para que os participantes dar suas opiniões dos momentos vividos e falassem da importância dessa Semana Missionária. 

"O nosso tempo é agora, tudo passa muito rápido. Precisamos ser missionários hoje, é esse o tempo que Deus nos dá. Se a Nossa Igreja permanece até hoje é graça aos primeiros missionários que foram os discípulos que caminhavam e evangelizavam junto com Jesus", disse Ana Matias, uma das coordenadoras participante.

Samuel José de Almeida da comunidade do Belém disse que o testemunho de vida converte muito mais do que muitas palavras, em certos momentos.
Cleonice da Comunidade Rosa Mística disse que as visitas das Missões Populares são muito importante. Muitas pessoas são carentes e quando chegamos nas casas é uma alegria só.

Também Maria Eunice de Carvalho Sandy, da comunidade Santa Clara e Nossa Senhora Aparecida/ São Domingos de cima comentou “Jesus foi a montanha para orar nos momentos difíceis, ele que era filho de Deus, imagina nós como precisamos. Sempre quando preciso recorro a palavra de Deus (Bíblia Sagrada).Precisamos conhecer Jesus para segui- lo, e na Nossa comunidade  conhecemos ele através da Eucaristia. O que seria de mim sem minha comunidade?”

Santos completa dizendo que após falaram sobre a programação, quando cada coordenador recebeu a sua programação para trabalhar na sua comunidade, pastoral ou movimento.

“Já no período da tarde, o Padre falou sobre a importância da oração e da poda.  Disse que um minuto de oração nos conduz ao céu. Também nos ensinou a necessidade da poda.Toda planta, toda árvore precisa de passar pela poda para dar bons frutos. Assim somos nós ,muitas vezes precisamos de ser podados para dar bons frutos. Que tenhamos a coragem de enfrentar toda poda para obtermos bons frutos”, ressalta Santos.

Ela finaliza dizendo que participaram de um delicioso almoço que foi preparado com muito carinho para os coordenadores.

  • site-pascom.jpg